Redação

A demora por uma reação consistente por parte de Flávio Bolsonaro está causando "grande desconforto" entre setores do governo

A falta da apresentação de uma justificativa "plausível" para os depósitos de R$ 96 mil na conta do deputado estadual e senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), filho do presidente Jair Bolsonaro, incomodou integrantes da equipe do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro. Nesse sábado, 19, Flávio visitou o pai no Palácio da Alvorada. Havia a expectativa de que o parlamentar desse explicações após o encontro.

A demora por uma reação consistente está causando "grande desconforto" entre setores do governo. Além do grupo de Moro, militares não escondem o incômodo, apesar de manterem a defesa enfática do presidente. Para eles, esta "não é uma crise do governo", mas há a avaliação de que a repercussão sobre as movimentações atípicas detectadas pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) pode atingir a imagem do presidente.

Um dos interlocutores de Bolsonaro ouvidos pelo jornal O Estado de S. Paulo afirmou que continua valendo "a máxima de que a mulher de César não precisa apenas ser honesta, mas tem de mostrar que é honesta".

Entre os interlocutores próximos do presidente, era esperado que, ainda na tarde deste sábado, Flávio se manifestasse sobre o relatório do Coaf revelado na sexta-feira pelo Jornal Nacional, da TV Globo.

Segundo a reportagem, o Coaf detectou 48 depósitos suspeitos feitos em dinheiro na conta pessoal do deputado, no valor total de R$ 96 mil. Os repasses foram feitos entre junho e julho de 2017 em um caixa eletrônico da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj).

O jornal O Estado de S. Paulo mostrou neste sábado que as investigações do caso Coaf começaram há seis meses e envolvem esquemas suspeitos de "lavagem de dinheiro e ocultação de bens".

Reação

Parte do governo avalia que o objetivo da investigação do Ministério Público do Rio é atingir a imagem de Bolsonaro. Desde a sexta-feira, o presidente tem se mostrado "chateado" com o que considera "ataques" contra seu filho.

Para um grupo próximo a Bolsonaro, a cada hora que passa sem explicações, a contaminação acaba sendo inevitável.

Em sua página no Facebook, Flávio Bolsonaro atacou o Ministério Público do Rio dizendo que seu sigilo bancário foi quebrado "sem autorização judicial" e "vazados propositalmente".

"A história que inventaram sobre os depósitos em minha conta, querendo insinuar que possuem alguma relação com meu ex-assessor, é uma mentira deslavada que terei o prazer de derrubar com provas reais e documentais", escreveu o senador eleito.

Fonte: Noticias ao minuto

 

Outros dois homens morreram e cinco pessoas ficaram feridas na colisão que aconteceu na tarde deste domingo


Uma das vítimas do acidente da tarde deste domingo (20) na BR-262 é uma ciclista que passava pelo local no momento da colisão. Segundo informações preliminares, ela foi atropelada depois o Ford EcoSport invadiu a contramão e atingiu outros dois veículos, um Honda CRV e um Gol.

O acidente, que aconteceu a cerca de cinco quilômetros da entrada de Anastácio, resulto na morte da ciclista, de dois homens e deixou ainda cinco pessoas feridas.

Informações preliminares apontam que o motorista da EcoSport seguia em direção a Capital quando teria invadido a pista contraria e atingido os outros dois veículos. Com a colisão o CRV saiu da pista e atropelou a ciclista, que estava no acostamento da rodovia. A mulher ficou embaixo do veículo e não resistiu aos ferimentos.

O Gol também saiu da rodovia e só parou em meio ao matagal nas margens da BR-262. No EcoSport, dois homens ficaram presos as ferragens e morreram no local. Outras cinco pessoas foram socorridas e levadas para o hospital de Aquidauana. Até o momento, nenhuma das vítimas foi identificada.

Conforme o Corpo de Bombeiros, a suspeita é que o motorista EcoSport tenha dormido ao volante. Os dois sentidos da pista ficaram completamente interditados, causando um congestionamento de três quilômetros de cada lado. Após mais de uma hora de espera, os motorista foram orientados a seguirem viagem por uma rota alternativa.

Fonte: Campo Grande News

 

Dois homens e uma mulher morreram no local

Um acidente na tarde deste domingo (20) acabou com três pessoas mortas e cinco presas nas ferragens, na BR-262, em Anastácio – a 134 quilômetros de Campo Grande. Três carros se envolveram na colisão.

Ainda não se sabe o que teria causado o acidente, mas segundo o capitão do Corpo de Bombeiros Vinicius Gonçalves, a princípio teria sido uma colisão frontal. Dois homens e uma mulher morreram no local do acidente e cinco pessoas que ficaram presas nas ferragens foram resgatadas. As vítimas não tiveram a identidade revelada.

Segundo o capitão ainda não é possível saber como aconteceu a colisão frontal. Três carros se envolveram no acidente um veículo Volkswagen Gol, um Ford Ecosport e um Honda CRV, que foi parar em meio a um matagal às margens da rodovia.

Fonte: Midiamax

 

A próxima contratação do Flamengo está perto de ser anunciada. O clube acertou com o Santos a compra do atacante Bruno Henrique. O jogador é esperado para a realização de exames médicos e, se aprovado, assinar contrato por três temporadas. O quarto reforço rubro-negro em 2019 deve se juntar ao elenco ainda esta semana.

De acordo com o site “Globoesporte.com”, a negociação foi concluída por R$ 23 milhões, que serão pagos em três parcelas. Além disso, ficou acertado o empréstimo por um ano do volante Ronaldo para o Santos. Caso o clube da Vila Belmiro queira comprá-lo ao término deste período, os direitos econômicos foram fixados em 3 milhões de euros (cerca de R$ 12,7 milhões).


Embora estivesse negociando o atacante, o Santos diz que ele era esperado na concentração do time para o jogo contra a Ferroviária, ontem. Só que o atleta não compareceu. O episódio aumentou ainda mais o desgaste entre a diretoria santista e o técnico Jorge Sampaoli, que não aprovou a forma como a venda foi conduzida. Em nota, o clube negou que o treinador não tivesse sido avisado da negociação.

“O Santos FC não liberou o atleta Bruno Henrique da partida contra a Ferroviária, neste sábado, na Vila Belmiro. O técnico Jorge Sampaoli foi avisado sobre a possível negociação do atleta, porém, ele atuaria normalmente no jogo de estreia do Campeonato Paulista. A ausência na apresentação foi responsabilidade do jogador e de seu empresário”, diz o Santos.

Fonte: Extra

 

Na tarde deste sábado a Policia Militar Rodoviária da base operacional de Amandina e a Policia Militar realizaram a apreensão de 108 quilos de maconha dividida em 7 fardos em um carro na MS-276.

Conforme apurou o Site Ivinoticias, por volta das 13h00min deste sábado (19), um policial militar de Amandina informou a equipe de serviço da Base Operacional Rodoviária de Amandina que fazia rondas na região de uma empresa de silos e avistou um veículo Fiat/Stilo, ostentando placas de São Paulo (SP), sem nenhum ocupante, com o capô e porta traseira aberta e, ao se aproximar do automóvel para averiguação, avistou vários fardos de substância análoga a maconha.

Os policiais militares estaduais (PMR) se deslocaram com o PM ao local informado na MS 276, onde em vistoria no Stilo, encontraram 7 fardos de maconha e, depois de pesados, totalizou 108 kg (cento e oito quilogramas). O Boletim de Ocorrência foi confeccionado e será encaminhado, juntamente com o entorpecente e o veículo na Delegacia de Polícia Civil de Ivinhema, para medidas cabíveis ao fato.

Fonte: Ivinoticias

 

 

Pagina 6 de 1204

Salvar

 

Template Settings

Theme Colors

Blue Red Green Oranges Pink

Layout

Wide Boxed Framed Rounded
Patterns for Layour: Boxed, Framed, Rounded
Top