Região (250)

Logo após o início da primavera, rajadas de ventos, chuvas em potencial elevado e incidência de raios causaram transtornos por toda a região.

Mato Grosso do Sul é o 5° Estado com maior índice de mortes provocadas por descargas elétricas no país. Um levantamento realizado pelo Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) revela que em 13 anos foram registrados 105 casos no Estado. Com tantas incidências, as chuvas frequentes deixam a região em alerta.



Conforme o estudo, cerca de 50 milhões de raios caem em solo brasileiro todos os anos. Em todo o país foram 1.672 mortes entre 2000 e 2013. De acordo com o levantamento, 43% dos casos ocorrem no verão. Em MS, Campo Grande é o município com maior registro de mortes provocadas por descargas elétricas, são 8 a cada ano.

Nos ultimos dias um raio atingiu uma propriedade rural, entre a 8ª e 9ª linhas, município de Glória de Dourados, ocasionando a morte de 5 animais de um produtor rural daquela localidade, com muitos prejuizos também no sitio.

Fonte: FatimaNews

Nas redes sociais, Tatiane deixou uma mensagem dizendo: "Tchau meus amores..."

Tatiane Moreno Areco de 16 anos, foi encontrada morta na madrugada desta quinta-feira (4), dentro do banheiro de sua casa, no bairro residencial Ipê, em Naviraí.

A adolescente morava com a mãe e o padastro, esperou eles dormirem e entrou no banheiro. A mãe percebendo que a filha estava demorando para sair, chamou por ela e, sem resposta, pediu para o padastro abrir a porta com uma chave de fenda.

Tatiane foi encontrada com um cardaço amarrado em torno do pescoço, pendurada na janela do banheiro. Uma equipe do Samu 192 chegou a ser acionada, mas a adolescente já estava sem sinais vitais.

Não se sabe o que levou a vítima a tirar a própria vida. Nas redes sociais, Tatiane deixou uma mensagem dizendo: "Tchau meus amores...". Ela também teria ligado para seu pai, que mora em Ponta Porã, e a conversa entre eles parecia uma despedida, segundo o pai.

Fonte: Jornal da Nova

Adriana Fretes, de 34 anos, morreu ao ser esfaqueada pelo próprio marido que se suicidou logo após o crime por volta das 17h20 desta sexta-feira (21) na Rua Bolivar Marthins, no Bairro Costa e Silva, em Bela Vista, cidade a 322 quilômetros de Campo Grande.

De acordo com vizinhos do casal, Antônio Manoel Benites, de 46 anos, teria iniciado uma discussão dentro da residência. A esposa então tentou fugir do local, mas foi seguida e atingida com várias facadas na rua. Logo em seguida Antônio atingiu o próprio abdômen, conforme o BVNews.

Os dois morreram na hora. A Policia Militar foi acionada e isolou a área. Após a realização de perícia os corpos foram encaminhados para o IML (Instituto Médico Legal) da cidade.

Fonte: Campo Grande News

Eles são acusados por populares para prestar serviço de dedetização com clientes e posteriormente cobrar mais caro

Pedro Jorge Inácio Júnior, 37 e José Damião dos Santos, 24, moradores no Pernambuco, foram presos na manhã desta quarta-feira (19/9), em Laguna Carapã, por estelionato. Eles são acusados por populares de tentar aplicar golpe após tratar preço para prestar serviço de dedetização com clientes e posteriormente cobrar mais caro.

Conforme o boletim de ocorrência, várias pessoas acionaram a Polícia Militar para comunicar o fato.

Duas delas disseram ter contratado a dupla por R$ 90 e, ao término do processo, ambos colocavam valores astronômicos nos serviços. Num dos casos, a vítima disse ter recebido cobrança de R$ 1.350.

A justificativa era de que o preço passado anteriormente era equivalente ao litro do produto e por isso a diferença.

Porém, as vítimas negaram a afirmação. Ambos continuam presos no 1º Distrito Policial.

Fonte: TopmidiaNews

A polícia militar foi solicitada via o 190 para atender um acidente de trânsito que aconteceu na MS-276.

Conforme apurou o Site Deodapolisnews, um ônibus que transitava na MS-276 sentido Culturama, quando no KM 52 veio a se chocar com dois bezerros que estava na pista, os bezerros não possuíam marcas não sendo possível localizar o proprietário.

O choque com os animais só resultou em danos no ônibus, assim o motorista do ônibus foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Deodápolis para as providencias cabíveis.

Fonte: Deodapolisnews

Briga aconteceu no centro da cidade. Casal foi parar na delegacia

Um homem, de 44 anos, e sua esposa, de 36, foram parar na delegacia ao se agredirem no Centro de Três Lagoas. A confusão aconteceu na manhã desta sexta-feira (30), na rua João Carrato. A briga teria iniciado depois que a moradora flagrou o marido olhando para outra mulher.

Conforme o boletim de ocorrência, revoltada, a esposa agrediu o homem com um tapa na cara. Para revidar, ele a empurrou. A Polícia Militar foi chamada e levou o casal até a delegacia.

Marido e mulher foram liberados depois de serem ouvidos por um investigador. O caso foi registrado como vias de fato.

Fonte: Perfil News

A Policia Militar de Angélica prendeu na madrugada de domingo (09), um jovem com 18 anos, flagrado conduzindo veículo sem CNH, sob efeito de álcool e ainda praticando direção perigosa.

A equipe policial realizava ponto base em frente a Câmara Municipal, quando de avistou um veículo “cantando” pneu e acelerando de forma brusca, e ainda com escapamento adulterado com descarga direta.

Ao se aproximarem do veículo, os policiais emitiram ordem de parada, contudo, o condutor “jogou” o veículo para cima da guarnição e de pessoas que estavam no local, inclusive crianças com seus pais. Os militares iniciaram acompanhamento tático, de forma que não houvesse um acidente ou até mesmo atropelamento, com acionamento dos dispositivos de alarme sonoro e iluminação intermitentes.

Após alguns minutos, o condutor abandonou o veículo, tentando fugir à pé, porém por estar em visível estado de embriaguez, não conseguiu despistar a equipe, sendo alcançado e detido em flagrante delito. Ao efetuar a busca pessoal foi constatado que o mesmo não possuía CNH/PPD/ACC, e o documento de porte obrigatório do veículo.

O autor foi conduzido para o hospital onde foi constatado a embriaguez e após juntamente com o veículo, foi entregue na delegacia de polícia civil. Foram ainda emitidos os autos de infração relativos ao código de trânsito brasileiro.

Fonte: Ivinoticias

Uma fatalidade marcou à tarde de hoje (31) o município de Deodápolis após uma mulher ter sido encontra morta dentro de uma casa.

Conforme apurou o Site Deodapolisnews, a mulher identificada como Fernanda Cruz foi encontrada morta dentro do quarto de uma casa localizada na Rua Crispiniano Alves de Souza, informações preliminares é que a vitima foi encontrada com os pés amarrados.

Fonte: Deodapolis News

Onevan e prefeito Marcílio Benedito fizeram pleitos ao Governo do Estado

 

O deputado estadual Onevan de Matos (PSDB), vice-presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, obteve a confirmação que o Governo do Estado fará nos próximos dias a instalação da Delegacia de Polícia Civil no município de Novo Horizonte do Sul.

Prioridade – Onevan de Matos e o prefeito Marcílio Benedito trabalharam junto à Secretaria de Justiça e Segurança Pública e com o governador Reinaldo Azambuja a instalação da unidade, objetivando trazer mais tranquilidade e segurança à população do município.

“A instalação da delegacia era uma grande prioridade para nós de Novo Horizonte do Sul, tendo em vista que além de não termos a presença da Polícia Civil no município, as ocorrências tinham que ser registradas em Ivinhema. Quero agradecer o trabalho do deputado Onevan de Matos, que foi preponderante para esta conquista”, destacou Marcílio Benedito.

Parceria – A unidade poda Polícia Civil deverá ser instalada já nos próximos dias em Novo Horizonte do Sul e contará com a importante parceria do Município, que cederá o espaço físico, bem como servidores para auxiliarem a Polícia Civil.

“Estamos todos muito felizes com esta conquista, fruto do trabalho incansável do prefeito Marcílio Benedito, a sensibilidade do Governo do Estado e o meu apoio parlamentar. A delegacia trará mais segurança, comodidade e conforto à população de Novo Horizonte do Sul”, concluiu Onevan de Matos.

Fonte: ASSECOM

Repassar nota falsa é crime

Vem circulado nas redes sociais uma mensagem a fim de ajudar as pessoas a identificarem notas falsas de R$ 100 e R$ 50. Segundo informações, as notas não apresentam a palavra “reais” na faixa holográfica da nota (a marca prateada na lateral).

As notas falsificadas são quase perfeitas e conseguem passar pelos testes mais tradicionais, da marca d’água e da caneta. Contudo, a faixa prateada da nota só mostra o valor da nota, a palavra “reais” não aparece ao mexer a nota contra a luz.

Segundo o Banco Central, até o ano passado cerca de 300 mil cédulas falsas foram recolhidas no Brasil. O cidadão deve tomar muito cuidado ao receber as notas, uma vez que o repasse da cédula falsa é crime previsto no Código Penal e a pena pode chegar a 12 anos de prisão, mais multa.

A Casa da Moeda confirmou a mensagem que está sendo repassada nas redes sociais. “Se não aparecer o REAIS, só o número, é porque é uma simulação, não vale”, afirmou Hamilton Monteiro, presidente da Casa da Moeda.

Entretanto, Hamilton explica que há outros elementos falsos na nota que podem passar desapercebido, além da ausência da palavra “reais” na faixa prateada da nota. O papel também pode indicar a falsificação, já que o material tem que ser áspero e estar em alto relevo.

Outra identificação pode ser feita pela marca d’água, que, se vista contra a luz, permite a verificação do valor e do animal referente a cada nota. Ainda, é possível observar os valores escondidos nos retângulos do lado direito da efígie, embaixo dos números.

Ajuda para identificar - Em 2014 o Banco Central lançou um aplicativo chamado ‘Dinheiro Brasileiro’, que ajuda os cidadãos a identificarem uma falsificação.

O aplicativo fornece informações sobre os elementos de segurança constantes nas cédulas. Basta posicionar a nota sobre a câmara do smartphome ou tablet e, imediatamente, a ferramenta compara a imagem e identifica a possível falsificação.

Além do aplicativo, vários vídeos já foram publicados a fim de ajudar a população identificar uma falsificação. Confira:

Em caso de identificar uma nota falsa, o indivíduo deve procurar uma instituição financeira para devolvê-la. Se a nota tiver sido sacada em caixas eletrônicos o banco deve ressarcir o cidadão imediatamente.

No site do Banco Central (AQUI) é possível verificar como agir em caso de estar em posse de nota falsa.


Msnews

Pagina 1 de 18

Salvar

Template Settings

Theme Colors

Blue Red Green Oranges Pink

Layout

Wide Boxed Framed Rounded
Patterns for Layour: Boxed, Framed, Rounded
Top